Estrutura da Tabela Periódica

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Filament.io 0 Flares ×

Em cada quadro da Tabela Peródica tem-se símbolo, massa atômica, número atômico, nome do elemento, elétrons nas camadas e se o elemento é radioativo.

As filas horizontais, conhecidas como períodos, os elementos químicos estão dispostos na ordem crescente de seus números atômicos. O número da ordem do período indica o número de níveis energéticos ou camadas eletrônicas do elemento.

A Tabela Periódica é constituída de sete períodos:
1º período – 2 elementos
2º período – 8 elementos
3º período – 8 elementos
4º período – 18 elementos
5º período – 18 elementos
6º período – 32 elementos
7º período – até agora 30 elementos

As colunas verticais constituem as famílias ou grupos. A organização baseou-se nas semelhança de  propriedades químicas. Sendo assim, tem famílias 1 a 18. Vale lembrar que algumas famílias possuem nome, por exemplo:
1 – alcalinos
2 – alcalinos terrosos
13 – família do boro
14 – família do carbono
15 – família do nitrogênio
16 – família dos calcogênios
17 – família dos halogênios
18 – gases nobres

Da família 1 e 2 e 13 até 18 chamamos de elementos representativos.

Da família do 3 até 12 chamamos de elementos de transição.

Os elementos que ficam na série dos lantanídeos e actinídeos são os elementos de transição, esses elementos compõem o grupo 3; ou seja, embora esteja separados da tabela principal mais é como se eles estivessem numa “caixinha” dentro da Tabela Periódica. Esses elementos são chamados de transição interna. E os demais são chamados de elementos de transição externa.

tabela_periodica

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *