Lixo

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 Google+ 0 Filament.io 0 Flares ×

Definição de lixo: tudo aquilo que se joga fora todos os dias, restos de tudo o que fazemos e que consideramos inútil, indesejável ou descartável.

Os problemas geralmente relacionados ao lixo são:

CHORUME Líquido preto, de odor desagradável, altamente poluente para o solo e recursos hídricos, pela sua toxicidade. Produzido principalmente nas áreas de despejo de resíduos, resultado da decomposição de matéria orgânica e componentes inorgânicos diluídos pela água da chuva, umidade do solo, umidade dos resíduos dentre outros.

VETORES TRANSMISSORES DE DOENÇAS o destino inadequado do lixo possibilita a proliferação de roedores (ratos e camundongos) que podem transmitir doenças quer por mordedura, fezes, urina e a ação de ectoparasitas, sendo as principais: peste bubônica, tifo murino, leptospirose, febre por mordedura e salmonelose, além de atrair serpentes peçonhentas, pois estas se alimentam de roedores.

POLUIÇÃO DO SOLO  a camada de solo, onde vivem microorganismos e pequenos animais, é a primeira a ser atingida pelos compostos tóxicos, comprometendo todo o sistema de respiração do solo, devido à morte dos microrganismos e pequenos animais.

POLUIÇÃO VISUAL a disposição inadequada dos resíduos ocasiona um aspecto antiestético e mal-estar provocado pela “montanha” de lixo exposto e pela presença de vetores, por exemplo: ratos, moscas, urubus, dentre outros.

POLUIÇÃO DO AR a fermentação da matéria orgânica por microorganismos, que em um ambiente impermeável produz biogás, sendo o gás metano seu principal componente. Este gás é inflamável, que dependendo das condições físicas e químicas pode provocar explosões e combustão espontânea.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *