Vamos produzir o encontro das água no copo

A confluência entre o rio Negro, de água preta, e o rio Solimões, de água barrenta, resultam em um fenômeno popularmente conhecido como “Encontro das Águas”. É uma das principais atrações turísticas da cidade de Manaus. Por uma extensão de mais de 6 km, as águas dos dois rios correm lado a lado sem se misturar.  Esse fenômeno acontece em decorrência da diferença entre a temperatura e densidade das águas e, ainda, à velocidade de suas correntezas: o Rio Negro corre cerca de 2 km/h a uma temperatura de 22 °C, enquanto que o Rio Solimões corre de 4 a 6 km/h a uma temperatura de 28 °C.

Como reproduzir em um Copo

Material Necessário

  • Um recipiente incolor pequeno.

    Os materiais necessário para simular o encontro das águas
  • Uma rolha de cortiça.
  • Um canudo de plástico.
  • Um copo de cáfe.
  • Um copo de leite.
  • Um estilete.

Parte Experimental

  1. Coloque metade de leite no recipiente incolor.

    Como o leite ele mais denso que o café deve ficar na parte debaixo; ou seja o café deve se colocado em cima do leite
  2. Corte uma pequena fatia da cortiça com auxílio de um estilete.
  3. Coloque a fatia da cortiça em cima do leite contido no recipiente incolor.

    Como ocorre no Encontro das águas o café deve ser colocado muito lentamente, imitando a baixa velocidade das águas.
  4. Com auxílio do canudo coloque em cima da rolha pequenas quantidades de cáfe.
  5. Observe a divisão de cores conforme a figura ao lado.
  6. Tente explicar esse fenômeno.

Leia também: