As beleza dos cristais de gelo

A molécula de H2O em baixa temperatura principalmente abaixo de zero graus, transforma-se em gelo. A molécula de água ao se cristalizar assume uma forma geométrica hexagonal; ou seja, no seu nascimento, o cristal de gelo é um prisma de seis lados. O interessante é que a formação do gelo na natureza é acompanhada de uma delicadeza, complexidade e simetria de certos cristais.

Dois fatores principais influenciam o crescimento de cristais: temperatura e saturação de vapor de ar. Quanto maior a umidade, mais complexa é a estrutura do cristal. Os dendritos, por exemplo, com ramificações semelhantes às folhas de plantas, como samambaias, emergem em ambientes muito úmidos. O cristal de gelo atravessando ambientes muito diferentes durante sua existência, sua forma é imprevisível e provavelmente única. A beleza dos cristais é tão fascinante que mereceu até um álbum fotográfico: The Art of the Snowflake: A Photographic Album.

Leia também

Fatos Químicos divertidos e interessante

Fonte:

Sciences Avenir

Snow Crystals