A informação química

A falta de informação química tem como resultados a ocorrência de vários acidentes ao longo da história da humanidade. No tempo dos alquimistas, os acidentes químicos ocorriam por causa da falta de informação sobre as substâncias químicas. Quantos alquimistas devem ter morrido para mostrar que uma substância não pode ser misturada a outra. Graças a busca pela transmutação dos metais e da vida eterna, a Química evoluiu consideravelmente, não importando as mortes ocasionadas pela falta de informação dos alquimistas. A própria Marie Curie ganhadora de Prêmio Nobel morreu por causa da desinformação dos efeitos nefastos da radiação. O sacrifício de muitas pessoas não justificam a desinformação ocasionada pela existência de uma educação ruim.  A falta de um ensino condigno na educação brasileira  causa de vários acidentes com substâncias Químicas. O exemplo mais marcante foi aquele ocorrido com césio-137 em Goiânia. Sem sombras de dúvida se o dono do ferro-velho tivesse aprendido química durante sua formação escolar,  com certeza ele não teria espalhado aquele sal brilhante pelo corpo. A atitude razoável naquele acidente era o dono do ferro velho reconhecer que aquele material brilhante se tratava de algo radioativo e nesse momento deveria comunicar a Vigilância Sanitária imediatamente. Evidentemente, a falta de conhecimento do dono do ferro velho ocasionada pela irresponsabilidade do Estado Brasileiro foi a responsável pelo acidente. Imagine você outros acidentes de menor gravidade que deve está ocorrendo nesse momento de leitura desse Post. Quantas pessoas estão manipulando sem quaisquer cuidado substâncias como insecticidas, herbicidas, soda caustica, cloro, etc.  Por isso, quando o Estado Brasileiro não coloca profissionais capacitados para a formação do jovem está sendo omisso e inconsequente dos acidentes químicos graves que estão ou ainda irão ocorrer.

Veja o acidente de Goiânia

Leia também A química e a Sociedade