Qual a diferença entre pilha galvânica e eletrolítica

A eletroquímica é uma área da Química que estuda as reações que envolvem a transferência de elétrons e a interconversão de energia química em energia elétrica. Os princípios da eletroquímica possibilitaram a fabricação de muitos aparelhos utilizados em nosso cotidiano, como pilhas, baterias, celulares, lanternas, computadores e calculadoras. 

Leia também

O que é uma pilha eletroquímica

A primeira pilha comercial

História da Pilha Alcalina

A pilha comum – Leclanché

Revista pilhas – Ebook

Como é a química das nossas baterias

A eletroquímica estuda basicamente as reações de oxirredução cujo princípio é a transferência de elétrons. Ao ser oxidado um determinado átomo perde elétrons para doá-lo ao outro átomo que é, então, reduzido.  Comumente, nós representamos as reações de oxirredução em duas etapas:

  • Oxidação: Perda de elétrons. O elemento que provoca a oxidação é chamado de agente oxidante.
  • Redução: Ganho de elétrons. O elemento que provoca a redução é chamado de agente redutor.

Embora, nós representamos a reação de oxirredução em duas etapas, na prática a oxidação e redução ocorrem juntas, por causa disso é necessário saber o estado de oxidação dos átomos envolvidos. O seguinte exemplo mostrar uma reação de oxirredução:

Zn(s) + 2H+(aq) → Zn2+(aq) + H2(g)

O  Zno é oxidado a Zn2+ perdendo dois elétrons. Ao mesmo tempo, causa a redução do íon H+ para o estado de oxidação zero (H2).

As reações de oxirredução envolve a produção ou perda de energia elétrica em dispositivos.  A diferença entre a produção e a perda de energia elétrica envolve diretamente a transformação de energia. Assim:

  • pilha converte energia química em energia elétrica, de modo espontâneo; e
  • eletrólise converte energia elétrica em energia química, de modo não espontâneo.

Aplicações

A eletroquímica é bastante presente em nosso cotidiano. Alguns exemplos são:

  • Reações no corpo humano;
  • Fabricação de diversos aparelhos eletrônicos;
  • Carregamento de baterias;
  • Galvanoplastia: revestimento de peças de ferro e aço com zinco metálico;
  • Diversos tipos de aplicação na indústria química; e
  • Corrosão.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *