Soda cáustica e suas aplicações

Então, a soda cáustica é uma base forte, cuja fórmula química é NaOH (hidróxido de sódio), e que origina-se da reação de eletrólise do cloreto de sódio (NaCl), em um processo gerador também de cloro (Cl2) e hidrogênio (H2): 

2NaCl + 2H₂O → 2 NaOH + Cl₂ + H₂

Em princípio, o emprego mais tradicional da soda cáustica (NaOH) é na fabricação de sabão e seu início remonta ao século 19. Bom, até hoje a soda cáustica é uma das bases mais nós usamos no processo de saponificação. Então, sua reação com um éster forma um tensoativo que é a base de sabões e detergentes. Em soluções, a soda cáustica é, sobretudo, um líquido viscoso, com aspecto que pode variar entre o incolor e algo levemente acinzentado.

Todavia, a soda cáustica (NaOH) pode trazer riscos para a saúde por causa do seu alto poder corrosivo. Além disso, não devemos colocar a soda cáustica em contato com nenhum de nossos tecidos, nem muito menos ingerida. Então, mesmo a inalação pode gerar efeitos nocivos, como falta de coordenação e dor de cabeça. Dessa foram, nós devemos manipular a soda cáustica com os devidos cuidados e com o uso de equipamentos de proteção.

MITO

Por ser muito usada para desentupir vasos e pias é muito comum ouvi o comentário entre as pessoas de soda cáustica vai derreter a canalização de drenagem de plástico, isso não passa de um mito. Como a tubulação é feita de de PVC um polímero extremamente resistente, então a soda cáustica não tem a capacidade de destruir a tubulação de esgoto.

Principais reações

Reações com ácidos

Bom, a soda cáustica (NaOH) é uma base forte e por isso reage com ácidos (orgânicos e inorgânicos) gerando sais e água, por exemplo:

NaOH + HBr → NaBr + H₂O
2 NaOH + H₂SO₄ → Na₂SO₄ + 2 H₂O
CH₃COOH + NaOH → CH₃COONa + H₂O

Reações com sais

Em princípio, a soda cáustica (NaOH) reage com sais de outros metais para formar um novo sal e um novo hidróxido, por exemplo:

Fe₂(SO₄)₃ + 6 NaOH → 2 Fe(OH)₃ + 3 Na₂SO₄

Reações com óxidos ácidos

Então, a soda cáustica (NaOH) reage com óxidos ácidos gerando sal e água, por exemplo:

SiO₂ (vidro) + 2 NaOH → Na₂(SiO₃) + H₂O

Como catalisador

Bom, a soda cáustica na presença de um catalisador tem reações de hidrólises com uma série de compostos orgânicos:

1-Hidrólise de Nitrilas

CH₃-CN + NaOH(diluído) → CH₃-COONa + NH₄OH

2-Hidrólise de derivados de ácido carboxílico

Exemplos:

ésteres

CH₃-COOCH₃ + NaOH(diluído) → CH₃-COONa + CH₃OH

cloretos de acila

CH₃-COCℓ + NaOH(diluído) → CH₃-COOH + NaCℓ

Reações com haletos de alquila

Reage com haletos de alquila para obtenção de álcoois:

CH₃CH₂CH₂-Cℓ + NaOH → CH₃CH₂CH₂-OH + NaCℓ

Pode formar ácidos carboxílicos também 

Aplicações da soda cáustica

Em princípio, a soda cáustica é uma matéria-prima básica na fabricação de uma ampla gama de produtos químicos. Então, por ser um composto com altíssimo poder desengordurante e de remoção de sujeiras o hidróxido de sódio é bastante usado  nas residências para a limpeza e desentupimento de pias e ralos, entre outras tarefas domésticas que exigem o uso de compostos mais pesados. 

Além disso, a indústria é o maior mercado da soda cáustica, hoje utiliza-se esta base como insumo em diversos setores produtivos. Por exemplo: indústria de papel e papelão, de sabão e detergentes, de bebidas e alimentos, óleos e gorduras, laboratórios farmacêuticos, setor têxtil, cerâmica, borracha, curtume, lavanderias, mineração, usinas de açúcar, indústria química, entre outras.

Na indústria de papel, por exemplo, a soda cáustica é fundamental no processo denominado ‘polpação’ – no qual a madeira utilizada como matéria-prima é transformada em uma polpa, e no posterior branqueamento do produto.

No caso da indústria de alimentos, utiliza-se a soda cáustica em várias etapas do processo industrial, por exemplo, descascamento químico de vegetais, para escaldar carnes e amolecer frutos, para corrigir o valor de pH de produtos, entre outras aplicações.

Por outro lado, utiliza-se a soda cáustica para neutralizar os fluxos de resíduos ácidos e limpeza de componentes ácidos dos gases efluentes (off-gases). Além disso, nas indústrias de petróleo e gás natural utiliza-se a soda cáustica para remover materiais ácidos da combustão de hidrocarbonetos e gasosos. No setor têxtil, a soda cáustica é utilizada no tratamento químico do algodão e tingimento de fibras sintéticas.  O consumo de soda cáustica no refino de alumina é de 11% da demanda global, esse uso consome mais da metade de soda cáustica comercializada globalmente.

Fonte:

Wikipedia

Usiquímica

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *