A diferença entre água destilada e desionizada

diferença entre água destilada e desionizada

A nossa água do dia a dia nós tomamos banho, bebemos, enfim usamos para nossas atividades diárias em praticamente todos os locais onde estamos. No caso do laboratório a água de beber não é adequada para a maioria dos testes laboratoriais, preparação de soluções, equipamentos de calibração ou limpeza de produtos de vidro. No laboratório precisamos de águas purificadas, dentre as quais as mais usadas é a destilada e desionizada. A água destilada é um tipo de água desmineralizada que é purificada por destilação. A água usada para produzir água destilada geralmente é a água de torneira, preferencialmente é recomendada água de nascente ou subterrânea.

O produzir água destilada é relativamente simples, basta evaporar e condensar o vapor da água. Na água não recolhida durante a destilação fica a maioria dos minerais e certas outras impurezas. Atribui-se a qualidade da água destilada, sobretudo a pureza da água fonte; uma vez que, algumas impurezas (por exemplo, orgânicos voláteis, mercúrio) se vaporizarão juntamente com a água. A destilação da água remove os sais e partículas.

Leia também

A água destilada é segura para beber?

Por sua vez, podemos produzir água desionizada a partir de água da torneira, água de nascente ou água destilada. O processo de desionização consiste em passar essas águas em uma resina carregada eletricamente. Geralmente,  utilizam-se resinas de troca iônica carregadas positiva e negativamente.  Assim, a desionização ocorre quando os cátions e ânions são adsorvidos pelas resinas de troca iônica. A reatividade da água desionizada tão alta que recomenda-se mantê-la isolada do ar. Então, ao entrar em contato com ar ela reage com o dióxido de carbono para produzir íons H+ e de HCO3 . Dessa forma, observa-se uma redução do valor de pH geralmente para 5,6. A desionização não remove espécies moleculares (por exemplo, açúcar) ou partículas orgânicas não carregadas (a maioria das bactérias, vírus).

Supondo que a água da fonte seja de torneira ou água de nascente, então, a pureza da água destilada será suficientemente pura para quase todas as aplicações de laboratório. Por exemplo:

  • solvente para preparar a solução
  • blank analítico
  • padrão de calibração
  • limpeza de produtos de vidro
  • esterilização de equipamentos
  • fazendo água de alta pureza

A pureza da água desionizada depende da água da fonte. Por outro lado, utiliza-se a água desionizada quando seja necessário um solvente macio. Por exemplo:

  • aplicações de resfriamento para evitar a deposição de minerais
  • autoclaves de microbiologia
  • muitas experiências químicas que usam compostos iónicos
  • lavar louça, principalmente, o enxague final
  • preparação de solventes
  • espaços em branco analíticos
  • padrões de calibração
  • em baterias

Como você pode ver, em algumas situações, a água destilada ou desionizada é adequada para usar. Portanto, a corrosividade da água desionizada impede que ela seja utilizada em situações que envolvam contato a longo prazo, por exemplo, com metais.

Fonte: ThoughtCo

3 thoughts on “A diferença entre água destilada e desionizada

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.