A versatilidade do sulfato de cobre

sulfato de cobre

IR PARA O CONTEÚDO

Quando começou a aplicação do sulfato de cobre

Carl Wilhelm Scheele, um químico sueco, descobriu o sulfato de cobre pela primeira vez em 1770. Por mais de 200 anos, o CuSO4 tem sido usado para vários propósitos, incluindo curtimento de couro, branqueamento de polpa de madeira, tingimento de algodão e lã, coagulação de produtos lácteos, e limpeza de utensílios de cobre (Cu). Você pode encontrar o CuSO4 na natureza, mas os químicos têm a capacidade de fabricá-lo e vendê-lo comercialmente.

Embora, no início o CuSO4 tinha como aplicação a inibição de fungos, descobriu-se que ele possui habilidades adicionais, como ser um poderoso oxidante e reduzir a ferrugem no ferro.

Quais são os usos do sulfato de cobre?

O CuSO4 é um popular algicida, fungicida, herbicida, agente de gravação e conservante de madeira. Além disso, ele tem muitas aplicações, por exemplo:

  • Previne a corrosão do metal
  • Evita a oxidação
  • Inibe o crescimento de fungos
  • Evita que a madeira apodreça

Quais são os usos do sulfato de cobre na agricultura?

Então, há séculos o homem usa o CuSO4 como um poderoso herbicida. Além disso, ele é também um fungicida, inseticida e nematicida. Mas, o seu uso mais comum é para controlar ervas daninhas no jardim.

Aqui estão outras maneiras de usar sulfato de cobre na agricultura:

Spray foliar

O CuSO4 é um fungicida comum e eficaz, pois mata fungos e controla a propagação de doenças de plantas. Você pode aplicá-lo nas folhas, caules, raízes, árvores frutíferas ou videiras da sua planta. Não se esqueça de misturá-lo com água antes de pulverizar.

Irrigação de Água

O CuSO4 é um composto químico normalmente usado na irrigação de água agrícola para ajudar as plantas a crescer, especialmente frutas cítricas, como laranjas e limões. Além disso, o CuSO4  controla  pragas; por exemplo, mata fungos e nematóides do solo.

Tratamento de sementes

Então, aplica-se o CuSO4 no tratamento de sementes antes de serem plantadas.

Drenagem de Raiz

A aplicação de CuSO4 para o tratamento de raízes de árvores é parte vital da manutenção da paisagem. Bom, ele é também uma ferramenta valiosa e popular para horticultores e na manutenção de árvores, arbustos, jardins e gramados

Proteção de Cultivos

O CuSO4 é um potente pesticida que mata os insetos e ácaros mais comuns à base de plantas. Além disso, protege as culturas dos efeitos de pulgões, ácaros, lagartas e besouros de pulga. No entanto, o CuSO4 tem alguns efeitos colaterais, como danificar plantas e causar envenenamento humano se não  usado corretamente.

Controle de Doenças Fúngicas

Em princípio, controla-se doenças fúngicas na agricultura com o CuSO4  há muito tempo; por exemplo,  em vegetais, como brócolis. O  CuSO4 é uma substância polivalente que pode matar muitos fungos, incluindo aqueles que causam ferrugem e bolor. Este fungicida demonstrou ter um nível raso de toxicidade para plantas e animais e não prejudicará o meio ambiente.

Controle de Doenças Bacterianas

O  CuSO4  é um composto comumente usado na indústria agrícola, principalmente para prevenir e controlar doenças bacterianas em tomates, alface e batatas. A princípio, o  CuSO4 funciona matando as bactérias que se alimentam de tecidos vegetais.

Aplicação de pesticidas

Então, você pode controlar pragas indesejadas, como caracóis e lesmas com o  CuSO4.  Essas, pragas são extremamente destrutivas para plantas e jardins.

Antimicrobiano

Embora, comumente usado como fungicida, alguns agricultores usam CuSO4 como antimicrobiano para as lavouras. É uma ótima alternativa para produtos químicos e antibióticos perigosos porque é barato e não requer manuseio especial.

Prevenir o crescimento de algas

Bom, o CuSO4 é eficiente para tratar e prevenir bactérias, algas e outras plantas indesejadas. Esta substância tóxica reage com a água para criar uma espuma espessa que reveste as partículas para aumentar a sua massa.

Usos de sulfato de cobre em saúde pública e medicina

Em princípio, o CuSO4 tem muitas aplicações na saúde pública e medicina por muitos anos. Então, no campo da medicina o CuSO4 trata e preveni a deficiência de cobre no corpo, mas também pode criar um ambiente mais seguro para as pessoas.

Bom, colocamos para você usos de CuSO4 na saúde pública e na medicina:

  • Aplica-se este composto em lagos e reservatórios para matar algas.
  • Utilizado na mistura de pisos de banhos de natação para inibir fungos e reduzir o pé de atleta.
  • É um moluscicida que elimina um parasita relacionado à doença de bilharziose.
  • Usado para prevenção da malária, que inclui sulfato de cobre na preparação do verde de Paris para possível uso contra larvas de mosquito.
  • Usado como um agente bactericida, fungicida e virucida contendo cobre. Ataca enzimas dependentes de cobre em microorganismos, interrompendo seus processos vitais dependentes de cobre.
  • Usado na produção de produtos farmacêuticos.

Usos Industriais do Sulfato de Cobre

Bom, na indústria o CuSO4 está em revestimento de cobre, gravura de metal. Além disso, ele é um excelente agente de secagem.

Aqui estão alguns exemplos específicos de seu uso em um ambiente industrial:

  • É conservante para colas e aglutinantes para evitar o crescimento de mofo
  • É um conservante de madeira
  • Em argamassa para cobrir a superfície de tijolos ou pedras para evitar o crescimento de fungos
  • Em concreto como agente de coloração de concreto e em piscinas
  • É um produto químico usado como aditivo em concreto que possui propriedades antifúngicas.
  • Como fungicida para proteger contra líquens, fungos e crescimentos semelhantes em telhados de cimento de amianto e outros materiais de construção.
  • Para controlar o crescimento de raízes de árvores em esgotos. Sua toxicidade matará qualquer potencial crescimento de raízes em linhas de tubos de cobre.

Considerações finais

O assunto  foi interessante?  Mas, caso ainda tenha dúvida, não pense duas vezes junte-se a comunidade do Clube da Química para receber nossas novidades além de tirar suas dúvidas. Assim, conecte-se nas nossas redes sociais:

Instagram

Facebook

Twitter  e

Linkedin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *