A poluição física das águas é péssima para a natureza

Então, a poluição física das águas é péssima para a natureza, mas por quê? A princípio, a poluição física compreende a poluição por resíduos radiativos e detritos inertes, que influenciam diretamente na transparência, temperatura e turbulência do corpo de água. Estas três propriedades físicas afetam a vida aquática.

Assim, a transparência é importante para o crescimento das algas e penetração da radiação solar. Já temperaturas muito baixas resultam em processos biológicos lentos, ao passo que altas temperaturas são fatais para muitos organismos.

Finalmente, a turbulência é um fator importante no processo de transporte de nutrientes e lixo presentes no corpo d’água. A concentração do material dissolvido e a concentração do material em suspensão interferem na transparência da água, o que dificulta a penetração da radiação solar na coluna d’água para ser utilizada como forma de energia na fotossíntese.

Considerações finais

Então, o assunto “A poluição física das águas é péssima para a natureza” foi interessante? Dessa forma, você tem que saber mais sobre a reciclagem de plástico aqui no Clube da Química. Acesse ai.

Mas, caso ainda tenha dúvida, não pense duas vezes junte-se a comunidade do Clube da Química para receber nossas novidades além de tirar suas dúvidas. Assim, conecte-se nas nossas redes sociais:

Instagram

Facebook

Twitter  e

Linkedin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *