A isomeria e os remédios

Por definição os isômeros são compostos que possuem fórmulas moleculares idênticas com arranjos estruturais ou espaciais diferentes (vídeo abaixo mostra os mais diversos tipos de isomeria).

Leia também

Cloroquina é igual hidroxicloroquina?

O parasitário Nitazoxanida contra o Covid que arma é essa?

A importância da estereoquímica nos remédios

Em termos de remédios, uma grande parte dos medicamentos apresenta compostos orgânicos  ativos apresentando carbonos assimétricos em sua
estrutura; ou seja,  exibem o fenômeno da isomeria óptica. Um exemplo é naproxeno cujos isômeros exibem dois efeitos nos seres humanos: i) um deles apresenta atividade fisiologica antinflamatória, enquanto o outro pode causar danos ao fígado

2 thoughts on “A isomeria e os remédios

  1. Quem não lembra do Talidomida na década de 60 em plena guerra fria?
    (S) talidomida ? teratogênica
    (R) talidomida ? efeito tranquilizante

    Uma pequena mudança de frente pata trás comprometia o uso terapêutico da substância pois a ingestão de um único comprimido nos três primeiros meses de gestação ocasiona a Focomelia.

    Com medicamento não se brinca.

  2. Olá! Gostei muito do seu blog e gostaria de segui-lo, por-em não encontro o link para cadastro do e-mail e receber noticias via e-mail.

    Janice

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *