Será quem tem mais testosterona é mais rico

Musculos

A testosterona é o principal hormônio masculino, sendo responsável por características como crescimento da barba, engrossamento da voz e aumento da massa muscular, além de estimular a produção de espermatozoides, sendo diretamente relacionado com a fertilidade masculina. A testosterona também está presente nas mulheres, mas em menor quantidade.

Após os 50 anos é comum haver diminuição na produção de testosterona, sendo caracterizada a andropausa, que é semelhante a menopausa das mulheres. No entanto, a diminuição da produção de testosterona no homem não significa que ele passa a ser infértil, mas sim que a sua capacidade reprodutiva pode estar diminuída, já que a produção de espermatozoides fica comprometida.

Leia também

Produtos químicos que fazem você se sentir amor

O uso de ibuprofeno ligado à infertilidade masculina

As fases do amor

Retirando esteroides da água potável

O outro lado da testosterona é motivo de diversos estudos principalmente aqueles relacionados ao comportamento humano. Acredita-se que a testosterona desempenhe papel importante na manutenção do status dos seres humanos. Já foi demonstrado que a testosterona promove um comportamento agressivo ou pró-social. Dependendo do contexto, uma tomada de decisão econômica, particularmente de riscos financeiros, a testosterona exerce papel fundamental.

Há razões para acreditar entre os executivos do sexo masculino, a testosterona influencia diretamente no aumento dos ganhos de homens adultos. A princípio, recompensas financeiras no decorrer de uma carreira, pelo menos em algumas profissões estaria diretamente ligada à testosterona.

Para verificar se há uma relação do nível de testosterona e o sucesso profissional pesquisadores da Universidade de Bristol (Reino Unido) estudaram cerca de 300.000 pessoas. Os pesquisadores analisaram a posição socioeconômica, renda, status de emprego, qualificação profissional, saúde, índice de massa corporal e comportamento de risco. O estudo foi publicado na Science Advances cujos resultados obtidos pela pesquisa sugerem que seja improvável o sucesso profissional com os níveis de testosterona do indivíduo.

Para os pesquisadores a testosterona parece promover um comportamento mais agressivo, a assunção de riscos e a busca pela dominação, de acordo com vários estudos. Mas isso não significa que o nível de testosterona seja a causa do sucesso alcançado por seu dono. Atribuir a testosterona o sucesso seria como o caso de ter calçadas molhadas e usar guarda-chuva existiria uma correlação, mas um não causa o outro. As calçadas molhas e guarda-chuva são duas consequências de um terceiro fator, a chuva. Pode ser que, no caso da testosterona, a realidade esteja mais próxima dessa situação. Um bom estado de saúde pode ser ao mesmo tempo causa de sucesso e de maior produção de testosterona. Outra hipótese, a causalidade poderia ser revertida: O sucesso aumenta a produção de testosterona…

 

Fonte:

Sciences Avenir

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *