O que é e como ocorre a polaridade nas moléculas

Molécula

A polaridade das moléculas depende diretamente da geometria molecular e da diferença de eletronegatividade dos átomos. Ela é usada para entender uma série de propriedades químicas dos compostos, como a água ser um solvente universal, por exemplo.

A polaridade das moléculas é um assunto importante no estudo da Química. O seu entendimento ajuda, sobretudo, a entender como as moléculas de uma ou mais substâncias interagem entre si.

Em uma avaliação da polaridade das moléculas, podemos explicar, por exemplo, o porquê de uma substância como dióxido de carbono (CO2) ser um gás e a água (H2O) ser líquida na temperatura ambiente. Assim, com o entendimento da polaridade das moléculas, podemos entender a capacidade da água em ionizar o ácido clorídrico (HCl) facilmente. Por outro lado, entenderemos também a dificuldade de ionização da água em relação ao dióxido de carbono.

A polaridade das moléculas está relacionada principalmente a existência de cargas positivas e negativas de uma molécula. Dessa forma, as moléculas que possuem polos são chamadas polares. Por outro lado, as moléculas que não possuem cargas positivas e negativas recebem o nome de não polares ou apolares.

Polaridade das moléculas

Como ocorre a polaridade nas moléculas

Em princípio, a polaridade das moléculas depende:

  • Diferença de eletronegatividade entre os átomos.
  • Geometria da molécula: indica o posicionamento dos átomos na molécula.
  • Vetor momento dipolar: seta que indica o sentido da atração dos elétrons na ligação.
Exemplos de moléculas polares e apolares
Alguns exemplos de moléculas polares e apolares

Relação entre polaridade e solubilidade é:

  • Composto polar dissolve outro composto polar.
  • Composto apolar dissolve outro composto apolar.

Relação entre polaridade e forças intermoleculares

De acordo com polaridade de uma molécula pode ocorrer as seguintes forças intermoleculares:

  • Dipolo induzido: ocorre entre moléculas apolares;
  • Dipolo permanente: ocorre entre moléculas polares;
  • Ligação de hidrogênio: ocorre entre moléculas apolares.

Quanto maior a intensidade da força intermolecular, então, maior será o ponto de fusão e o ponto de ebulição. Dessa forma, essa força tem influência direta no estado físico da molécula em determinada temperatura.

Como ocorre a polaridade nas moléculas: Comportamento de uma molécula polar

Aprenda também

A importância do prêmio nobel para os catalisadores

Breve guia de isomeria na química orgânica

A importância da estereoquímica nos remédios

A isomeria e os remédios

Nova forma de isomerismo descoberta em 50 anos

Fonte:

Manual da Química

Lumen

Make a Gif

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.