Como obter produto farmacêutico com Química Verde

Maças

Como obter produto farmacêutico com Química Verde é um post que mostra como podemos obter substância bioativas sem agredir o meio ambiente. Ou seja, podemos ter substâncias capazes de tratar nossas doenças sem impacto ambiental.

Bom, devemos reconhecer que a Revolução Industrial trouxe uma série de benefícios no passado. Dessa forma,  hoje somos cercados por uma variedade muito grande de inovações tecnológicas. Por outro lado, pagamos um preço alto por essa inovação tecnológica. Em princípio, a exploração dos exagerada dos recursos naturais e produção de resíduos.

Chegamos a um ponto de desequilíbrio e já sentindo os efeitos do aquecimento global. Nesse sentido, escrevemos muitos posts aqui no Clube da Química mostrando os resultados dessa evolução tecnológicas. Ou seja, esse é o preço que pagamos pelo nosso avanço. As consequências estão ai, só para você ter uma ideais colocamos abaixo alguns de nossos posts sobre os efeitos do avanço tecnológico. Portanto, acesse-os para descobrir o que está acontecendo com o nosso planeta. Além disso, aceite esse convite. Bom, aí vai a lista:

Como resolver esse problema 

Bom, se você for a internet e procurar você encontrará uma série de propostas para resolver reduzir os efeitos do aquecimento global. Dessa forma, hoje vamos falar da Química Verde. Assim, no post “Porque não temos uma sustentabilidade total” mostramos como a Química Verde melhora a sustentabilidade no planeta.  

De qualquer forma, devemos falar para você que o objetivo geral da Química Verde é desenvolver, sobretudo, produtos e processos químicos que reduzam ou eliminem o uso de substâncias perigosas. 

Em princípio, a aplicação da Química Verde reduz a poluição devido aos seguintes fatos: minimizando ou eliminando os riscos de matérias-primas químicas (reagentes, solventes e produtos). Então, se eu criar uma tecnologia que reduz ou elimina os produtos químicos perigosos estou fazendo Química Verde? Sim! Você está fazendo Química Verde. 

Exemplo de aplicação de Química Verde

Então, vejamos um exemplo de uso de Química Verde. Bom, pesquisadores da Universidade de Adelaide (Austrália) conseguiram extrair moléculas químicas por um processo “mais verde”.  Como eles fizeram isso? Eles extraíram de resíduos agrícolas e de alimentos produtos farmacêuticos.

Em um estudo publicado na Green Chemistry, esses cientistas usaram solventes verdes para obter os produtos farmacêuticos de bagaço de maçã. Devemos falar para você que na maça existem substâncias  antioxidantes, antibacterianas, antidiabetes e anti-inflamatórias. Como os cientistas conseguiram?

Bom, os cientistas usaram uma nova geração de solventes verdes chamada Deep Eutectic Solvents (DES). Esses solventes consistem em moléculas naturais e são alternativas mais ecológica do que os solventes tradicionais. Os DES tem as seguintes vantagens: capacidade de extração superior; volatilidade insignificante; não inflamabilidade; e são baratos.

Outras sugestões de Química Verde

Bom, acredito que você tenha gostado da descoberta dos pesquisadores. Então, convidamos você a descobrir mais sobre Química Verde nos posts abaixo

Então, gostou? Bom, então comente e visite nossas redes sociais:

Instagram

Facebook

Twitter  e

Linkedin

Fonte:

EPA – United States Environmental Protection Agency

Journal of the Brazilian Chemistry Society

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.