Porque produzir tijolos de resíduos plásticos

Tijolo de plástico

É inegável que o plástico é um problema ambiental em escala mundial como mostra uma publicação da National Geographic. Dessa forma, a humanidade não recicla mais de 91% dos seus resíduos plásticos; ou seja, descartam-se  a maioria no meio ambiente e aterros sanitários.

Assim, até 2018, o mundo já gerou mais de 8,3 bilhões de toneladas de resíduos plásticos desde que o plástico começou a ser produzido em massa. Em princípio, despejam-se cerca de 6,3 bilhões de toneladas dos resíduos plásticos em aterros, oceanos e rios.

A National Geographic também aponta que, se a comunidade global não contiver a tendência atual de poluição de resíduos de plástico, os aterros sanitários receberão 12 bilhões de toneladas métricas de resíduos de plástico até 2050.

Como podemos notar, o problema dos resíduos plásticos é muito sério. Nesse sentido, nós aqui do Clube da Química sempre que podemos postamos artigos sobre os resíduos plásticos. Dessa forma, queremos que você fique mais antenado com  esse assunto. Nesse sentido, estamos convidando você a descobrir a problemática dos resíduos plásticos nos posts abaixo. Veja ai

Qual a solução para os resíduos plásticos?

Como você pode observar, os números a respeito dos resíduos plásticos nos pressiona a buscar soluções. Embora, alguns países tenham estabelecido leis e até mesmo proibindo o uso de plásticos, a quantidade de resíduos plásticos ainda afeta o planeta.

Além disso, segundo as Nações Unidas, 55% da população mundial vive em áreas urbanas o que leva a grandes problemas ambientais causados por resíduos plásticos. Além disso, a Organização da Nações Unidas (ONU) estima ainda que cerca de 68% da população mundial irá viver em áreas urbanas até 2050.

Dessa forma, temos que buscar uma solução imediata para os resíduos plásticos além de outros resíduos. Então, além de apontar os problemas ambientais o Clube da Química também busca publicar posts sobre soluções. Nesse sentido, convidamos você a descobrir mais sobre algumas soluções que publicamos aqui no Clube da Química. Acesse ai e fique antenado nas soluções que publicamos.

A solução é reciclar ou fazer upcycling?

Evidente que qualquer solução para os resíduos plásticos é bem vinda. Mas, o que é reciclar ou fazer upcycling. No post “O que significa reciclagem e o que é upcycling” para você que reciclar é manter as mesmas propriedade do resíduo. Por exemplo, em um artesanato de garrafa PET sendo usado para fazer um sofá. Se você observar aqui nesse exemplo que a garrafa PET continua sendo PET. Mas se você mudar o resíduo plástico para outra coisa, por exemplo, em tijolo você está fazendo um upcycling. Ou seja, você está mudando de nível o seu resíduo plástico. 

O caso da Rhino Machines e seu tijolo de resíduo plástico

Em princípio, para pensar em um reaproveitamento de resíduo, você deve pensar em qual problema você irá resolver. Aqui, neste post nós colocamos dois problemas que a humanidade vive: o aumento populacional e o resíduo plástico.

Então, esses dois fatos motivam, por exemplo, a produção de tijolos usando resíduos plásticos pois ai temos a uma solução para duas questões ambientais importantes: aumento da produção de resíduos plástico e necessidade de construção de novas moradias.

Pensando nisso, a Rhino Machines, uma empresa da Índia, iniciou um projeto para a produção de tijolos a partir de resíduos plásticos com pó de fundição de cimento. Depois de muitos testes, a Rhino conseguiu produzir um tijolo com qualidade a partir de uma mistura de 80% de pó de fundição e o restante com resíduo plástico. O tijolo produzido é 2,5 vezes mais forte que os tijolos produzidos métodos tradicionais. Isso significa que os blocos usam menos recursos naturais e, ao mesmo tempo, reduzem o desperdício inorgânico.

 

Considerações finais

Bom, a Rhino Machines chegou a um produto sustentável com boa solução para a habitação e do resíduo plástico. Ou seja, os blocos oferecem à indústria da construção uma forte alternativa de construção. Além disso, os blocos são 2,5 vezes mais fortes que os blocos normais de argila vermelha. com um custo de produção bastante competitivo.

Convite

Então, gostou? Bom, então comente e visite nossas redes sociais:

Instagram

Facebook

Twitter  e

Linkedin

Fonte

 Inhabitat

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.