O vídeo da morte causado pelo Mal de Minamata

Casos de Minamata

O vídeo da morte causado pelo Mal de Minamata é um post que mostra como ocorreu a contaminação por mercúrio em uma pequena cidade japonesa chamada de Minamata. Então, falar de mercúrio (Hg) a gente lembra de uma série de fatos históricos e, principalmente, da contaminação que ele causou e ainda causa no mundo. Falar do mercúrio (Hg) e falar da exploração do ouro (Au) na região Amazônica. Então na maior floresta tropical do mundo, o nosso patrimônio ambiental sofre também pela contaminação por mercúrio (Hg).

Mas também temos que dizer que o mercúrio (Hg) é um elemento responsável pela evolução humana, pois ele estava até bem pouco tempo atrás nos nossos instrumentos de medidas. Dessa forma, nós aqui do Clube da Química temos publicados muita coisas sobre o mercúrio (Hg). Assim, vamos convidamos você descobrir mais sobre esse elemento químico. Aproveite a nossa lista e depois siga a leitura deste post que dessa forma você entenderá mais sobre o mercúrio (Hg). Bom, ai vai a lista:

O caso Minamata

Muitos envenenamentos que ocorreram em massa com produtos químicos foram por desconhecimento dos perigos que determinada substância química tinha. Muitas vezes, como no caso de uma cidade japonesa onde foi instalada uma fábrica que lançava seus dejetos contendo mercúrio na baia desde 1930. Depois de duas décadas, começaram a surgir sintomas de contaminação de peixes, moluscos e aves morriam. 

Por conseguinte, registra-se em 1956 o primeiro caso de contaminação humana – uma criança com danos cerebrais. Como observaram-se muitos casos a contaminação recebeu o nome da pequena cidade Mal de Minamata.

Então, os efeitos da contaminação por mercúrio (Hg) foi tão grande que os médicos ficaram confusos com os sintomas que os pacientes tinham em comum: convulsões severas, surtos de psicose, perda de consciência e coma. Após, febre muito alta, todos os quatro pacientes morreram.

Convido você a assistir ao vídeo da morte causado pelo Mal de Minamata para ver as cenas comoventes desse desastre mundial.

 

Aceite mais esse convite

Então, gostou? Bom, então comente e visite nossas redes sociais:

Instagram

Facebook

Twitter  e

Linkedin

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.