Hidrocarbonetos

Leia também Revista hidrocarbonetos Nossos hidrocarbonetos do dia a dia Hidrocarbonetos Nomenclatura dos hidrocarbonetos

Então, quando pensamos em compostos orgânicos o primeiro nome que nos vem a mente são os hidrocarbonetos. Em primeiro lugar, devemos falar para você que o nome hidrocarboneto vem da presença de hidrogênio e carbono na estrutura molecular. Assim, o carbono fica no meio do grupo principal da tabela periódica, tendo como característica o compartilhamento dos quatros elétrons da camada de valência.

Bom, essa é uma definição técnica que não representa a grandeza dos hidrocarbonetos. Porque, essa classe de compostos está distribuída em tudo que nós enxergamos. Por exemplo, no post aqui do Clube da Química chamado “Nossos hidrocarbonetos do dia a dia” nós mostramos para você a presença desse compostos no nosso cotidiano. 

Nesse post, você vai descobrir onde você pode encontrar no seus dia a dia compostos como  Metano  (CH4), Propano e butano (C3H7 e C4H10), octano (C8H18), acetileno (C2H2) e propanona (C3H6O). Acesse lá e descubra. 

Por outro lado, esses compostos estão em novos materiais, componentes de plásticos etc. Dessa forma, pensando em você colocamos abaixo uma série de post para você descobrir o potencial dos hidrocarbonetos

Bom, vamos voltar ao assunto hidrocarbonetos. Então, conforme o tipo de ligações existentes entre os átomos de carbono, nós podemos classificá-los em alcanos, alcenos, alcinos, alcadienos, cicloalcanos e aromáticos.

Como é a classe dos alcanos

Os alcanos são compostos que possuem, sobretudo, apenas ligações simples entre os átomos de carbono da cadeia. São também chamados de parafinas que do latim significa: com pouca afinidade. Isso se deve ao fato de serem pouco reativos. Os alcanos possuem uma fórmula química geral representada por CnH2n+2. Os cicloalcanos possuem praticamente as mesmas características, porém possuem uma cadeia fechada ou cíclica, porém sua fórmula geral é CnH2n.

Como é classe dos alcenos

Os Alcenos, também conhecidos como alquenos ou olefinas, são hidrocarbonetos alifáticos insaturados, que apresentam, em sua molécula, uma ligação dupla entre seus átomos de carbono. Além disso, os alcenos mais simples, que apresentam apenas uma ligação dupla, cuja fórmula geral é CnH2n.

Como é a classe dos alcinos

Bom, os alcinos ou alquinos são os hidrocarbonetos acíclicos que contêm, no mínimo, uma tripla ligação; com fórmula geral CnH2n-2, sendo n maior ou igual que dois.

Como é a classe dos alcadienos

Os alcadienos (também chamados de dienos ou diolefinas) sã hidrocarbonetos alifáticos insaturados por duas ligações duplas. A fórmula geral desses hidrocarbonetos é CnH2n-2.

Como são a classe dos hidrocarbonetos aromáticos

Em princípio, hidrocarbonetos aromáticos são compostos orgânicos formados exclusivamente por átomos de carbono e hidrogênio. Apresentam obrigatoriamente uma estrutura básica (anel ou núcleo aromático) composta por cadeia fechada, seis átomos de carbono e três ligações duplas (formada por uma ligação pi e uma sigma) alternadas.

As ligações duplas alternadas presentes no benzeno sofrem um efeito de ressonância no qual as ligações pi (de cada uma dessas duplas) trocam de posição constantemente, o que é representado por um círculo no interior do hexágono (vide imagem acima). Assim, temos que a estrutura básica de um hidrocarboneto aromático apresenta uma fórmula molecular igual a C6H6.

Então, gostou? Bom, então comente e visite nossas redes sociais:

Instagram

Facebook

Twitter  e

Linkedin

Fonte

Citizen

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.